Filtros para ar são versáteis e garantem a qualidade do ar ambiente
Edição Nº 77 - Novembro/Dezembro de 2015 - Ano XIV
Esta notícia já foi visualizada 2739 vezes.


Filtros para ar são versáteis e garantem a qualidade do ar ambiente



Cristiane Rubim


Os filtros painel ou planos agem na saúde do ar interno de edificações, que se não for filtrado, pode causar a Síndrome dos Edifícios Doentes ou SED. O SED ocorre quando as condições interiores do ar estão abaixo do desejável, provocando desde sintomas comuns, como dor de cabeça, cansaço, irritação de olhos, nariz e garganta, tosse e coceira, até mais graves, rinite, sinusite, conjuntivite, pneumonia, asma, dermatites de contato, entre outras. Além disso, cai a produtividade e os equipamentos deterioram. Quando não há operação nem manutenção adequadas nos sistemas de ventilação ou ar-condicionado, eles acabam tornando-se geradores de poluentes.
Existem várias normas em vigor hoje no Brasil que exigem e dão as diretrizes para o uso correto dos filtros de ar para cada tipo de construção e objetivo. O problema é que falta conscientização e fiscalização porque a maioria ainda compra movida pela ânsia de um custo-benefício mais baixo. Para economizar, a decisão recai sobre um filtro de custo menor com classe de filtragem abaixo da estipulada pelas normas ou por adquirir um pré-filtro apenas que atenda às suas necessidades de um modo geral, o que acaba não filtrando direito, porque, respectivamente, não é o indicado para seu objetivo e construção ou pela falta de outro filtro de maior eficiência.   
De acordo com Jerson Alves de Oliveira, diretor comercial da Filtracom, há uma pequena confusão e erro no mercado quanto à nomenclatura técnica dos filtros painel em relação à forma e classes. Inclusive ele diz que, na norma 16.101:2012, o termo tipo painel não é usado e que precisa ser esclarecido o termo técnico correto. Segundo ele, esta expressão é utilizada para diferenciar os filtros de superfície quadrada ou retangular dos filtros cilíndricos, conhecidos como filtros tipo cartucho. Outro erro comum é chamar os filtros tipo painel somente de grossos, já que os finos e absolutos também podem ser tipo painel.
“Quando usamos a expressão filtro tipo painel para diferenciarmos a forma é aceitável tecnicamente, mas quando usamos para diferenciação de classe ou eficiência é errado tecnicamente”, esclarece.
Para ficar mais claro, já que existem vários tipos de filtros, Oliveira cita alguns tecnicamente usados:
- Filtro tipo multibolsa (grossos e finos);
- Filtro plano (grossos);
- Filtro bolsa rígida com células filtr ...


AVISO

Para acessar esta matéria na íntegra é necessário estar logado.Clique aqui para realizar o seu cadastro!
Já tem login? clique aqui

Publicidade