Investimentos no Brasil somam R$ 40 bilhões
Edição Nº 85 - Março/Abril de 2017 - Ano XV
Esta notícia já foi visualizada 4403 vezes.


Investimentos no Brasil somam R$ 40 bilhões



A Automotive Business em estudo exclusivo aponta que os investimentos das montadoras no país somam o equivalente a R$ 40 bilhões. Este total está dividido entre 14 empresas tanto as de veículos leves como de pesados. Só nos últimos quatro meses do ano passado um total de R$ 2,6 bilhões foram anunciados por fabricantes já instaladas no país.
Este valor inclui três diferentes aportes: US$ 155 milhões (equivalentes a R$ 500 milhões) divulgados em setembro passado pelo presidente da Hyundai no Brasil, William Lee. Por sua vez, a Volkswagen Truck & Bus, holding de veículos comerciais pesados do Grupo Volkswagen, também anunciou em dezembro passado R$ 1,5 bilhão até 2021, o maior já realizado pela companhia no país: os quatro anteriores foram cada um de R$ 1 bilhão. A empresa prevê em seu novo plano a ampliação de portfólio, a inserção de mais tecnologias e o aumento da internacionalização da VWCO. Além disso, também está no radar da montadora a elevação do porcentual de componentes comuns entre os veículos das marcas MAN, Volkswagen e Scania, dos atuais 7% para 9%. Além disso, a Scania revelou em janeiro de 2017 outros R$ 2,6 bilhões até 2020 no Brasil, mas não detalhou os projetos.
Já a Toyota declarou em novembro de 2016 novos R$ 600 milhões para finalmente produzir no Brasil o motor do Corolla. A fábrica de Porto Feliz (SP), também responsável pela fabricação dos motores 1.3 e 1.5 do Etios, prevê uma nova linha de montagem a partir do segundo semestre de 2019. Embora não se trate de um novo investimento, a Volkswagen atualizou seus planos em curso no país: o CEO e presidente da operação no Brasil, América do Sul e Caribe, David Powels, aproveitou o Salão do Automóvel de São Paulo, realizado em novembro passado, para confirmar R$ 7 bilhões até 2020, principalmente para uma nova família de veículos a partir da plataforma MQB. 

O Grupo Volvo também reforçará suas operações com o investimento de R$ 1 bilhão entre 2017 e 2019 na América Latina, sendo 90% deste montante no Brasil, principalmente na fábrica de caminhões e ônibus de Curitiba (PR). Enquanto alguns investimentos começaram em 2016, outros encerraram seu ciclo, caso dos R$ 15 bilhões da FCA Fiat Chrysler, que teve início em 2011 e que empregou R$ 7 bilhões na atualização da fábrica mineira de Betim e outros R$ 7 bilhões na planta pernambucana em Goiana, além de outros projetos ao longo deste período, como lançamentos dos modelos Fiat Mobi e Toro e Jeep Compass. ...


AVISO

Para acessar esta matéria na íntegra é necessário estar logado.Clique aqui para realizar o seu cadastro!
Já tem login? clique aqui

Publicidade