Publicidade
MEIO FILTRANTE - Produção de petróleo no Brasil cresce 10,9% em abril

Esta notícia já foi visualizada 87 vezes.

Produção de petróleo no Brasil cresce 10,9% em abril

Data:1/6/2017

Nielmar de Oliveira - Repórter da Agência Brasil

Produção de petróleo atingiu em abril 2,5 milhões de barris por dia, o que representa crescimento de 10,9% em relação a abril de 2016              

A produção de petróleo no Brasil atingiu em abril 2,5 milhões de barris por dia, o que significa um crescimento de 10,9% em relação a abril de 2016. Em relação a março deste ano, houve recuo de 0,4%.

Os dados foram divulgados hoje (1º), no Rio de Janeiro, pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). A agência anunciou, também, a produção de gás natural, que atingiu em abril 103 milhões de metros cúbicos por dia (m³d), resultado 7,1% superior ao do mesmo mês de 2016 e 1,2% superior ao de março deste ano. Assim, a produção total de petróleo e gás natural nos campos do país foi de 3,184 milhões de barris de óleo equivalente (petróleo e gás natural) por dia.

Campos do pré-sal

Embora já responda atualmente por 47,5% da produção nacional total de petróleo equivalente, em abril, a produção de petróleo e gás natural dos campos do pré-sal caiu 0,2%, na comparação com março. Segundo a ANP, foram produzidos em abril na região do pré-sal 1,496 milhão de barris de óleo equivalente por dia.

Oriunda de 75 poços, a produção de petróleo foi de aproximadamente 1,207 milhão de barris de petróleo por dia e 45,9 milhões de metros cúbicos diários de gás natural (m³d).

Queima de gás

Os dados da ANP indicam, ainda, que o país já aproveita 96,5% do gás natural produzido no país. Em abril, a queima do produto atingiu 3,5 milhões de metros cúbicos por dia, um aumento de 2,5% se comparada a março, mas, em contrapartida, uma queda de 11,2% em relação ao mesmo mês de 2016.

Campos produtores

O campo de Lula, na Bacia de Santos, continua como o maior produtor de petróleo e gás natural com uma extração de, em média, 651,7 mil barris diários de petróleo e de 27,6 milhões de metros cúbicos diários de gás natural.

Os dados indicam, ainda, que os campos marítimos produziram 95% do total do petróleo e 83% do de gás natural. A produção ocorreu em 8.339 poços, sendo 746 marítimos e 7.593 terrestres. Os campos operados pela Petrobras produziram 94,5% do petróleo e gás natural.

Já a plataforma de maior aproveitamento foi a FPSO Cidade de Itaguaí, no Campo de Lula, que, através de seis poços a ela interligados, extraiu 192,2 mil barris de óleo equivalente.


Fonte: Agência Brasil

Comentários desta notícia

Publicidade