Publicidade
MEIO FILTRANTE - Novidades em salão da Argentina também miram o Brasil

Esta notícia já foi visualizada 119 vezes.

Novidades em salão da Argentina também miram o Brasil

Data:13/6/2017

Montadoras anunciam lançamentos e destacam suas novas apostas

SUELI REIS, AB | De Buenos Aires (Argentina)

Salão argentino também é vitrine para novidades no Brasil

O Salão de Buenos Aires traz novidades não só para o mercado local, que vem se destacando na América Latina ao recuperar seu volume de vendas, mas mira especialmente o mercado brasileiro, que aguarda alguns lançamentos que tiveram o evento portenho como vitrine. Entre os destaques, o novo Ford EcoSport que será vendido primeiro no Brasil, a partir de agosto, mas que também chega ainda este ano na Argentina. Para o mercado local, a Ford lança a Ranger 2.2 diesel que já é oferecida no Brasil.

A Renault apresentou o Kwid em solo argentino e aproveitou o evento para anunciar sua pré-venda e preços para o Brasil das três versões iniciais, que custarão entre R$ 29.990 e R$ 39.990. Uma quarta versão aventureira está prevista para o mercado brasileiro, a Outsider, que ganhou destaque no estande da montadora.

A General Motors escolheu o salão para mostrar também o novo SUV médio Equinox, produzido no México, que será importado para substituir o Captiva no Brasil. O modelo global começa a ser vendido no mercado brasileiro a partir do quarto trimestre deste ano e o País será o primeiro a recebê-lo entre os demais mercados da América Latina. O Equinox é montado sobre a plataforma D2, a mesma do Cruze. No salão, a GM mostrou a versão topo de linha, 2.0 turbo, com 262 cv de potência e câmbio automático de nove velocidades. Com ele, a marca expande sua gama de SUVs, que conta com o compacto Tracker e a Trailblazer, para até sete lugares.

Outra novidade da GM é a mostra da picape TrailBoss, que foi conceito no Salão de São Paulo e desta vez a montadora apresenta a versão definitiva, que deve chegar em breve ao Brasil.

Também é novidade na Argentina o Jeep Compass produzido pela FCA em Pernambuco, cujo lançamento para o mercado local está sendo anunciado no salão, bem como Nissan Kicks e os Toyota Hilux Limited e Innova. No caso da Hilux, é baseada na versão 4x4 SRV cabine dupla e será incorporada à linha atual até o fim deste ano na Argentina. Para o Brasil, o modelo deve chegar como Iron, mas ainda sem data definida. Já a minivan Innova, para até oito lugares, também tem seu lançamento previsto para o fim de 2017, mas somente no mercado argentino. Segundo a montadora, a demanda para este tipo de modelo no Brasil é muito baixa.

“Vamos avaliar a aceitação do público argentino. Quem sabe a produziremos em Zárate, já que ela compartilha da mesma plataforma da Hilux”, afirma o presidente da Toyota na Argentina, Daniel Herrero, ao apresentar a minivan durante o salão.

A Volkswagen, que é líder de mercado na Argentina há 13 anos, traz novidades importantes para o mercado local, como o novo Up!TSI 1.0 turbo, já oferecido no Brasil, além da Amarok V6 automática de seis velocidades, com motor 3.0 turbodiesel de seis cilindros e com 224 cv de potência. Ela vem em duas configurações, Amarok V6 com santantônio em aço inoxidável, estribos ovais do mesmo material e rodas de 19 polegadas e a Amarok V6 Extreme, com santantônio Sportsbar, estribos planos de alumínio e rodas de 20 polegadas.

O Novo Golf R, com 310 cv e tração integral, começará a ser comercializado na Argentina a partir de novembro e será o primeiro modelo R oferecido no país. Ele chega para completar a linha Golf, que também estará presente no Salão do Automóvel de Buenos Aires com a opção Variant e GTI. Além deste, o utilitário-esportivo Tiguan com sete lugares também estará à venda no mercado local a partir de novembro. 

Vale citar também modelos inéditos mostrados na Argentina: a Mercedes-Benz trouxe o conceito de sua picape Classe X, que pela primeira vez está sendo mostrada na América do Sul. Sua produção entre 2018-2019 já foi confirmada pela montadora a partir de uma parceria com a Aliança Renault-Nissan, que têm fábrica em solo argentino.



Fonte:  www.automotivebusiness.com.br 

Comentários desta notícia

Publicidade