Publicidade
MEIO FILTRANTE - Marcopolo é uma das marcas mais lembradas do Rio Grande do Sul

Esta notícia já foi visualizada 205 vezes.

Marcopolo é uma das marcas mais lembradas do Rio Grande do Sul

Data:14/6/2017

Fabricante de ônibus transforma sua maneira de atuar e volta a figurar entre os “Top 5”

 A caxiense Marcopolo, um dos maiores fabricantes mundiais de ônibus, é uma das cinco marcas mais lembradas no Rio Grande do Sul. A empresa, exemplo de multinacional brasileira com operações em nove países (Argentina, Austrália, África do Sul, Brasil, China, Colômbia, Egito, Índia e México), volta a figurar entre as mais lembradas depois de cinco anos (a última vez foi em 2012).
 

O retorno da companhia ao “Top 5” do Rio Grande do Sul ocorre justamente na edição na qual a transformação e o reposicionamento de marca são os temas da campanha do prêmio. Para vencer os desafios e obstáculos dos últimos anos na economia brasileira, a Marcopolo precisou transformar sua maneira de atuação, focando na conquista de novos clientes e negócios no exterior, e implementar programas em suas operações voltados para a inovação, eficiência, produtividade e competitividade.
 

Este ano, a Marcopolo alcançou desempenho acima das perspectivas e fechou o primeiro trimestre com crescimento de 29,5% em sua receita líquida (R$ 554,6 milhões, contra R$ 428,3 milhões). O resultado reflete o forte trabalho que a empresa vem realizando, com a ampliação das exportações em 107,1% e das receitas de suas operações no exterior, em 46,3%.
 

No Brasil, o mercado de ônibus começa a apresentar sinais de recuperação. As perspectivas de demanda mostram retomada nas vendas, especialmente no segmento de rodoviários, o que pode resultar em um ano com desempenho melhor do que em 2016.

 
A empresa também adotou, desde o ano passado, uma série de ajustes para minimizar os efeitos de mais um ano de instabilidade econômica e política. Foram implementados projetos voltados à prospecção de oportunidades, com destaque para o Conquest, que teve como foco as exportações, por intermédio do fortalecimento da atuação nos tradicionais países da América Latina, da cobertura de novos mercados e da ampliação do portfólio de clientes no exterior. No ano, foram visitados mais de 65 nações, que resultaram no incremento de 54,6% no volume físico exportado (2.959 unidades contra 1.915, em 2015).

 
No mercado brasileiro, a Marcopolo lançou o programa Brasil Ponta a Ponta, que promoveu inúmeras visitas a clientes em todas as regiões do País, possibilitando o fortalecimento da marca e do relacionamento com os clientes, e o projeto Negócio a Negócio (Unidade de Negócio Volare), focado na redução de estoques.


Fonte: Assessoria de Imprensa
 

Comentários desta notícia

Publicidade