Publicidade
MEIO FILTRANTE - Embraer inaugura novo Centro de Engenharia e Tecnologia em Florianópolis

Esta notícia já foi visualizada 204 vezes.

Embraer inaugura novo Centro de Engenharia e Tecnologia em Florianópolis

Data:25/8/2017

A Embraer inaugura hoje (25 de agosto) seu novo Centro de Engenharia e Tecnologia (CETE-SC), em Florianópolis. O centro, instalado no prédio da incubadora CELTA localizado no Parque Tecnológico Alfa, contará com uma equipe de engenheiros da Embraer dedicados exclusivamente ao desenvolvimento de sistemas aeronáuticos. O projeto faz parte da parceria com a Fundação CERTI e conta com apoio da Embrapii (Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial) e da FAPESC (Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina).


Durante o evento também será realizada a assinatura de uma nova fase do contrato para continuidade da parceria entre a Embraer e a Fundação CERTI, que teve início em 2015, visando à continuidade do desenvolvimento de tecnologia pré-competitiva em sistemas eletrônicos para uso aeronáutico. Essa extensão do projeto de cooperação tecnológica representa um reconhecimento dos bons resultados obtidos nas primeiras etapas do projeto e sinaliza a possibilidade de expansão futura do escopo.


“A Embraer busca se inserir em ecossistemas que fomentem a inovação e o desenvolvimento de tecnologias de ponta, onde quer que estejam presentes. Esse é um dos principais fatores que levaram a empresa a escolher Florianópolis como sede de seu novo Centro de Tecnologia”, explica o Vice-Presidente de Engenharia e Tecnologia da empresa, Humberto Pereira. “Para pesquisar as inúmeras tecnologias que podem influenciar a indústria aeronáutica no futuro, a empresa possui parcerias com dezenas de universidades, centros de pesquisa e outras empresas em todo o mundo, formando verdadeiras redes de conhecimento, com benefícios para todos.”
“A presença de um centro da Embraer, uma das empresas mais inovadoras do país, no Parque Tecnológico Alfa representa um grande avanço para o desenvolvimento de todo o ecossistema de tecnologia e inovação em Santa Catarina. Ela possibilitará o crescimento ainda maior nessa área de atuação e o desenvolvimento de projetos e soluções cada vez mais relevantes no setor aeroespacial e de defesa”, destaca Laercio Silva, superintendente de Negócios da CERTI.


Além da implantação do CETE e do estímulo às pesquisas no setor aeronáutico, a presença da Embraer em Florianópolis pode trazer como desdobramento também o surgimento de empreendimentos de base tecnológica, já que Florianópolis reúne condições para atrair empresas de ponta. Para o presidente da FAPESC, Sergio Gargioni, “a vinda de uma empresa do padrão da Embraer significa que nós estamos retribuindo para a sociedade o investimento do governo e das empresas para consolidação do ecossistema de inovação”. 
Na decisão da Embraer de instalar o CETE na capital catarinense, foram fatores fundamentais a qualidade da engenharia em Santa Catarina e as iniciativas do governo estadual por meio da FAPESC. Também pesaram a experiência e o domínio, pelos especialistas da CERTI, de competências técnico-científicas em eletrônica, software, metrologia e instrumentação, garantia da qualidade, confiabilidade, rastreabilidade e manufatura eletrônica, por meio da sua unidade Labelectron.


Em 2012, a empresa inaugurou seu primeiro Centro de Engenharia e Tecnologia, em Belo Horizonte. Hoje, a empresa possui CETEs também em Melbourne, na Flórida, EUA, e em Évora, em Portugal. Cada unidade tem foco em tecnologias específicas.


Sobre a Embraer
Empresa global com sede no Brasil, a Embraer atua nos segmentos de Aviação Comercial, Aviação Executiva, Defesa & Segurança e Aviação Agrícola. A empresa projeta, desenvolve, fabrica e comercializa aeronaves e sistemas, além de fornecer suporte e serviços de pós-venda.


Desde que foi fundada, em 1969, a Embraer já entregou mais de 8 mil aeronaves. Em média, a cada 10 segundos uma aeronave fabricada pela Embraer decola de algum lugar do mundo, transportando anualmente mais de 145 milhões de passageiros.
A Embraer é líder na fabricação de jatos comerciais de até 130 assentos e a principal exportadora de bens de alto valor agregado do Brasil. A empresa mantém unidades industriais, escritórios, centros de serviço e de distribuição de peças, entre outras atividades, nas Américas, África, Ásia e Europa.

Sobre a Fundação Certi
Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação, a CERTI (Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras) atua de forma privada e sem fins lucrativos no desenvolvimento de produtos, processos e sistemas, sendo credenciada como Unidade Embrapii para sistemas inteligentes. 
Suas principais áreas de atuação contemplam desenvolvimento tecnológico em convergência digital, tecnologia da informação e comunicação, mecatrônica, metrologia industrial, instrumentação e testes, garantia da qualidade, empreendedorismo inovador, manufatura, economia verde e energia sustentável. 
Esta capacidade pode ser combinada em projetos transversais, que contemplam desde o estudo de viabilidade técnica e econômica e análise estratégica de negócio, a concepção e o desenvolvimento de um produto, prototipagem e manufatura, testes, sistemas de qualidade, bem como a certificação do produto ou processo até o seu lançamento no mercado.

Sobre a FAPESC
A FAPESC é o órgão do governo estadual que fornece apoio financeiro para a execução de atividades de pesquisa, inovação, capacitação de recursos humanos e difusão de conhecimentos. Há programas de apoio a pesquisadores de vários níveis, desde o Jovem Pesquisador aos Núcleos de Excelência, além de subvenção a projetos de empresas e suporte ao surgimento de startups, em parceria com agências de fomento federais, órgãos internacionais e empresas privadas. 
A FAPESC constitui-se na agência de fomento executora da política estadual de ciência, tecnologia e inovação para o avanço de todas as áreas do conhecimento, o equilíbrio regional, o desenvolvimento econômico sustentável e a melhoria da qualidade de vida da população do Estado.



Fonte:  www.maxpress.com.br 

Comentários desta notícia

Publicidade