Publicidade
MEIO FILTRANTE - Exportações recorde passam dos 627 mil veículos

Esta notícia já foi visualizada 92 vezes.

Exportações recorde passam dos 627 mil veículos

Data:10/11/2017

Volume é 56,7% maior que o verificado até outubro de 2016

SUELI REIS, AB


As exportações de veículos atingem mais um recorde para o período acumulado de janeiro a outubro, com 627,8 mil unidades embarcadas, aumento expressivo de 56,7% sobre o volume verificado em iguais meses de 2016, quando a indústria enviou pouco mais de 400 mil veículos ao exterior. Os dados foram divulgados pela associação das fabricantes, a Anfavea, na quarta-feira, 8. Com este total, a entidade confirma que 2017 será o melhor ano para as exportações.
 

“Os mercados compradores estão com bom desempenho, com destaque para a Argentina. Vamos chegar aos 745 mil projetados para o ano”, afirma Antonio Megale, presidente da Anfavea, durante a apresentação do balanço da indústria à imprensa em São Paulo.

Ele observa que exceto em janeiro, todos os meses do ano até agora tiveram exportações acima das 60 mil unidades. “Outubro foi mais um mês muito bom, com um crescimento extraordinário sobre mesmo mês de 2016, na ordem de 66,6%, além do aumento de 2,5% sobre setembro.”

Megale também reforça a importância dos acordos bilaterais com os mercados que têm ajudado o Brasil a avançar com sua participação. “Em alguns mercados nossa participação ficou abaixo de 10%, como Colômbia e Peru, e agora está ficando relevante. Havia casos de participação de 2%, 3%. No Uruguai voltamos a ter relevância após o acordo, agora estamos atendendo 60% do mercado.”

Já o acordo com a Colômbia, aprovado em abril e assinado em julho, já passou pelo crivo da Aladi, Associação Latino-Americana de Integração, e segue em processo de internalização em ambos os países, segundo Megale: “A nossa previsão é de que deve entrar em vigor no início de dezembro”.

Assista abaixo à reportagem da ABTV sobre o desempenho da indústria automobilística até outubro:



Fonte: www.automotivebusiness.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade