Publicidade
MEIO FILTRANTE - Honda Energy cede Certificados de Energia Renovável ao Salão Duas Rodas

Esta notícia já foi visualizada 204 vezes.

Honda Energy cede Certificados de Energia Renovável ao Salão Duas Rodas

Data:14/11/2017

A Honda Energy, empresa do Grupo Honda dedicada à gestão do parque eólico da marca, realizou a entrega de Certificados de Energia Renovável à organização do Salão Duas Rodas, principal evento do setor na América Latina, que acontece de 14 a 19 de novembro no São Paulo Expo, na capital paulista.

A certificação, garantida pela ABEEólica (Associação Brasileira de Energia Eólica) em conjunto com a Abragel (Associação Brasileira de Geração de Energia Limpa) e validada pelo Instituto Tótum, agrega alto valor de sustentabilidade ao evento, já que garante a neutralização da emissão de CO2 advinda da geração de energia elétrica. Todo o complexo do salão será beneficiado pela iniciativa.

A Honda é a única empresa do setor automotivo nacional autossuficiente em energia limpa e também a obter o Certificado de Energia Renovável. Serão cedidos 42 certificados, equivalentes a geração de 42.000 kWh de energia renovável, consumo calculado base média histórica das edições passadas do evento.
 
Honda Energy
Pautada pela busca de soluções focada no uso eficaz de recursos renováveis, a Honda diversificou sua matriz energética e escolheu apostar na energia eólica, que apresenta um dos menores índices de emissão de CO2, e é favorecida pela boa disponibilidade de ventos no país, em especial, nas áreas costeiras.

Inédito entre as operações da Honda no mundo, o parque é gerenciado pela subsidiária Honda Energy, e foi construído para atender a meta global de redução de 30% nas emissões de CO2 de seus automóveis, motocicletas, produtos de força e também de seus processos produtivos em todo o mundo até 2020. A operação brasileira superou a meta e reduziu, já no primeiro ano de funcionamento do parque, 50% do estipulado.

A geração do parque eólico, que já está acumulada em 207.099 MWh, supre as atividades da fábrica de automóveis da Honda em Sumaré, o escritório da marca na cidade de São Paulo, além do centro logístico da LSL Transportes, empresa coligada, localizada em Paulínia, responsável pelas operações de movimentação de materiais e abastecimento das linhas de montagem. Com o resultado, mais de 18 mil toneladas de CO2 deixaram de ser emitidos no meio ambiente.


Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários desta notícia

Publicidade