Publicidade
MEIO FILTRANTE - Braskem integra o índice de sustentabilidade da BM&FBovespa pelo 13º ano

Esta notícia já foi visualizada 214 vezes.

Braskem integra o índice de sustentabilidade da BM&FBovespa pelo 13º ano

Data:27/11/2017

Com estratégia voltada para o desenvolvimento sustentável, empresa integra lista desde sua criação em 2005


A Braskem novamente figura no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa, uma carteira composta por empresas listadas que adotam as melhores práticas socioambientais. Desde a criação da lista, em 2005, a petroquímica está em sua composição.

A permanência no índice reflete o compromisso da Braskem com as boas práticas de governança corporativa, responsabilidade social, gestão econômico-financeira e preservação ambiental. “Nossa presença no ISE pelo 13º ano seguido demonstra que é possível evoluir de forma sustentável, por meio de uma estratégia de gestão que gera valor ao negócio ao mesmo tempo em que minimizamos continuamente eventuais impactos ambientais e sociais negativos provocados por nossas atividades, mas também maximizamos nossos impactos positivos”, afirma Jorge Soto, diretor de Desenvolvimento Sustentável da Braskem.

A trajetória consistente de atuação na promoção da sustentabilidade levou a companhia a ser a primeira empresa brasileira a ingressar na Lista “A” do CDP Investor em Clima e Água, selo internacional que reconhece as empresas com padrões de excelência em gestão de carbono e gestão de riscos hídricos.

A nova carteira do ISE reúne 33 ações de 30 empresas, que representam 12 setores e somam R$ 1,3 trilhão em valor de mercado, o equivalente a 41% do valor total das empresas com ações negociadas na bolsa brasileira. O índice vai vigorar de 8 de janeiro de 2018 a 4 de janeiro de 2019.

 

Sobre a Braskem

Com uma visão de futuro global, orientada para o ser humano, os 8 mil Integrantes da Braskem se empenham todos os dias para melhorar a vida das pessoas, criando as soluções sustentáveis da química e do plástico. É a maior produtora de resinas das Américas, com produção anual de 20 milhões de toneladas, incluindo produtos químicos e petroquímicos básicos, e faturamento de R$ 55 bilhões em 2016. Exporta para Clientes em aproximadamente 100 países e opera 41 unidades industriais, localizadas no Brasil, EUA, Alemanha e México, esta última em parceria com a mexicana Idesa.


Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários desta notícia

Publicidade