Publicidade
MEIO FILTRANTE - Pesados começam 2018 com alta nas vendas

Esta notícia já foi visualizada 203 vezes.

Pesados começam 2018 com alta nas vendas

Data:5/2/2018

Licenciamentos de caminhões e ônibus crescem 56,5% em janeiro sobre igual período de 2017

O segmento de veículos pesados volta a ter um começo de ano positivo: no primeiro mês de 2018, as vendas de caminhões e ônibus passaram das 5,7 mil unidades, representando alta de 56,5% sobre os 3,6 mil emplacados em igual mês do ano passado. Isto não acontecia desde 2012, quando em janeiro daquele ano houve alta de 5,9% sobre igual mês de 2011: naquela ocasião, o mercado emplacou mais de 15,6 mil veículos pesados.


Nos cinco anos seguintes, entre 2012 e 2017, todos os resultados foram negativos para o setor no fechamento de cada janeiro. Por isso, este ano começa diferente para o segmento pesado, que acumula queda de mais de 70% neste período. Em 2017, o segmento de pesados chegou a registrar queda de 42%, mas reverteu o cenário e terminou com expansão de 3,5% sobre o ano anterior, com pouco mais de 52 mil emplacamentos.

Logo na primeira semana de 2018, a Fenabrave apontou que para este ano o cenário é de recuperação para o mercado como um todo, inclusive para o segmento pesado, para o qual espera avanço de 8,6% nos licenciamentos, para 72,9 mil veículos, entre caminhões e ônibus. Contudo, segundo a entidade, o patamar saudável é entre 100 mil e 120 mil unidades por ano, o que só deve ser alcançado após 2020.



Na análise de janeiro, que contou com 22 dias úteis (sem considerar o feriado do aniversário da cidade de São Paulo), os emplacamentos de caminhões cresceram 56,2%, para um total de 4,5 mil unidades. As vendas de ônibus subiram em proporção semelhante: com pouco mais de 1,1 mil chassis emplacados, houve aumento de 57,7% sobre as 707 unidades licenciadas em janeiro de 2016.

Sobre dezembro, há queda em ambos os mercados, de 25,5% e de 30,4%, respectivamente para caminhões e ônibus.


Fonte: www.automotivebusiness.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade