Publicidade
MEIO FILTRANTE - Autopeças faturam 23,8% a mais no 1º trimestre

Esta notícia já foi visualizada 399 vezes.

Autopeças faturam 23,8% a mais no 1º trimestre

Data:16/5/2018

Venda às montadoras e exportações mantêm aquecida a indústria de componentes 

MÁRIO CURCIO, AB
 
O faturamento dos fabricantes de autopeças cresceu 23,8% no primeiro trimestre sobre o mesmo período do ano passado. O período é foi melhor desde o primeiro trimestre de 2014. 

O fornecimento às montadoras registrou alta de 24,2%. O mercado de reposição teve alta menor, de 14,7%, já que a base de comparação é alta: com queda relevante nas vendas de veículos novos de 2014 a 2016, o pós-venda registrou altas importantes nos anos seguintes.

As exportações de autopeças anotaram crescimento de 34% sobre igual período do ano passado. Os números foram divulgados pelo Sindipeças, entidade que reúne os fabricantes de componentes para o setor automotivo.

O Sindipeças recorda que a recente crise cambial na Argentina afetará o setor de autopeças a partir deste mês de maio, já que o país vizinho é o principal destino de veículos e componentes fabricados no Brasil, mas a desvalorização do real também tende a estimular os embarques para a América Latina, Estados Unidos e Europa.

TAXA DE OCUPAÇÃO DA INDÚSTRIA E EMPREGO

Ainda de acordo com o estudo do Sindipeças, o emprego no setor de autopeças cresceu 8,7% sobre o primeiro trimestre de 2017. A análise sobre os últimos 12 meses mostra variação positiva de 4%.

Também nos últimos 12 meses, a utilização da capacidade instalada avançou 12,9 pontos porcentuais. Em fevereiro a utilização da indústria atingiu 73%, melhor índice desde fevereiro de 2014. Em março se manteve acima dos 70%. É provável que atinja novos picos próximos ou superiores a 75% durante o ano.


Fonte: www.automotivebusiness.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade