Publicidade
MEIO FILTRANTE - FCA domina venda direta com Fiat e Jeep

Esta notícia já foi visualizada 531 vezes.

FCA domina venda direta com Fiat e Jeep

Data:6/6/2018

Toro saltou da 7ª para a 4ª posição em vendas diretas em 1 ano. As 16,5 mil unidades até maio representam alta de 45,2%

Além de veículos de volume, ela conquista o segmento com modelos de maior valor 

MÁRIO CURCIO, AB

A FCA Fiat Chrysler tomou conta das vendas diretas, aquelas feitas em regra para frotistas como locadoras e para o governo, por exemplo. Não seria novidade analisando apenas o volume de automóveis e comerciais leves, já que o Fiat Uno e a picape Fiat Strada sempre tiveram boa penetração neste segmento. O que ocorre agora além da quantidade é a presença de modelos com maior valor agregado entre os mais vendidos. 

Em um ano, a picape Fiat Toro subiu do sétimo para o quarto lugar nas vendas diretas. Com 16,5 mil unidades entregues de janeiro a maio aos frotistas, anotou alta de 45,2% sobre igual período do ano passado. Vale lembrar que se trata de um carro com preço inicial próximo a R$ 80 mil. 

Outro destaque é o Jeep Compass, um modelo de quase R$ 110 mil, que em um ano saltou do 15º para o oitavo lugar nessa lista, com 11,3 mil unidades e alta de quase 80% na comparação interanual. Um ano atrás o oitavo lugar era de outro carro bem mais modesto do grupo, o Uno, com preço-base de cerca de R$ 40 mil. 

O Jeep Renegade subiu da décima para a nona colocação. Com 11,1 mil unidades entregues a frotistas, registrou alta de 50,1%. Trata-se de um carro de mais de R$ 75 mil que está hoje no lugar ocupado um ano atrás pelo VW Voyage, sedã com preço inicial de R$ 52 mil. 

A FCA também foi beneficiada pelo aumento da confiança na economia, que levou frotistas a trocar ou comprar mais picapes Strada. O modelo teve 25,9 mil unidades entregues, 48% a mais que no mesmo período do ano passado. Vem superando até mesmo o Chevrolet Onix nesse canal de vendas.

HB20 ACUSA O GOLPE NAS VENDAS TOTAIS

Os três primeiros lugares permanecem com Chevrolet Onix, Hyundai HB20 e Ford Ka, mas o mais atingido dos três pela concorrência do novo VW Polo é o Hyundai. Na comparação interanual, enquanto as vendas do Onix subiram 7,4% e as do Ka, 9,7%, as do HB20 cresceram menos de 2%. O veterano VW Gol também foi afetado pelo novo “irmão”. Suas vendas recuaram 7,4%.

Mas quem sentiu mesmo a concorrência dentro de casa foi o Renault Sandero, que um ano atrás ocupava a quarta posição geral e caiu para a 15ª. De 29,8 mil unidades, baixou para 18,9 mil na comparação interanual (retração de 36,4%). O Renault mais vendido atualmente é o Kwid. Lançado há cerca de um ano, ocupa a oitava posição na lista dos automóveis e comerciais leves, com 24,7 mil unidades. 


Fonte:  www.automotivebusiness.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade