Publicidade
MEIO FILTRANTE - Produção no pré-sal aumenta 3,6% em fevereiro

Esta notícia já foi visualizada 1137 vezes.

Produção no pré-sal aumenta 3,6% em fevereiro

Data:5/4/2019

Pré-sal foi responsável por quase 60% da produção de óleo e gás em fevereiro desse ano
Dados são de fevereiro em comparação com o mesmo mês de 2018 e mostram uma participação 57,4% do pré-sal no volume total

A produção brasileira de óleo e gás é majoritariamente encabeçada pela Petrobras – 94% do total – e hoje, em sua maior parte, da exploração de pré-sal, com quase 60% do volume total entregue em fevereiro. Em relação ao mesmo mês do ano passado houve um incremento de 3,6%, mas se considerarmos janeiro desse ano como referência, a produção recuou 0,6%.

Traduzindo em números, o mês de fevereiro teve uma produção de 1,826 milhão de boe/d somente no pré-sal. Boe é a medida para barril de equivalente em petróleo, uma unidade de energia aproximadamente equivalente à energia liberada pela queima de um barril de óleo cru. A divisão ficou assim: 1,450 milhão de barris de petróleo por dia e 59,8 milhões de metros cúbicos diários de gás natural por meio de 88 poços.

Quando somados pré e pós-sal, a produção de petróleo e gás no Brasil totalizou 3,182 milhões de barris de óleo equivalente por dia, sendo 2,489 milhões de barris de petróleo por dia (bbl/d) e 110 milhões de m³ diários de gás natural. A produção de petróleo no período diminuiu 5,4 % na comparação com o mês anterior e 4,9% se comparada com fevereiro de 2018. Já a produção de gás natural teve uma redução de 2,7% em comparação ao mês anterior e um aumento de 0,3%, se comparada com o mesmo mês de 2018.

Os principais motivos para a queda em relação a janeiro foram a interdição da plataforma P-43, que opera nos campos de Barracuda e Caratinga, e a parada programada para manutenção da FPSO Capixaba, que opera nos campos de Jubarte e Cachalote.



Comentários desta notícia

Publicidade