MEIO FILTRANTE - Vendas globais do Grupo VW recuam 2,8% até agosto
Esta notícia já foi visualizada 564 vezes.



Vendas globais do Grupo VW recuam 2,8% até agosto

Data:16/9/2019

Queda é puxada por Europa, América do Norte e Ásia; na América do Sul vendas crescem

REDAÇÃO AB
 
As vendas globais de veículos do Grupo VW recuaram 2,8% no acumulado do ano, informa a companhia em comunicado divulgado na sexta-feira, 13. De janeiro a agosto, as entregas somaram pouco mais de 7,1 milhões de unidades contra os mais de 7,3 milhões registrados em mesmo período do ano passado.

Os dados da empresa mostram que a queda global foi puxada pelos menores volumes entregues na Europa (-1,5%), América do Norte (-0,4%) e também na Ásia (-4,4%). Em importantes mercados, como Alemanha e China, a empresa registrou quedas de 0,7% e 3,2%, respectivamente, e embora as vendas tenham aumentado 3,2% na Rússia, não foi o suficiente para compensar o menor volume de vendas na Europa Central e Oriental, onde as entregas caíram 1,7%.

A América do Sul foi a única região do mundo onde o grupo Volkswagen registrou crescimento das vendas: o volume atingiu as 393,5 mil unidades, 1,6% maior que o registrado em iguais meses de 2018. O bom desempenho foi confirmado graças às vendas 20,6% maiores no Brasil, onde as marcas do grupo somaram 300 mil veículos vendidos.

Todos os volumes de vendas incluem a soma das marcas de veículos leves – Volkswagen, Audi, Porsche, Seat, Skoda – e pesados do Grupo Traton – Volkswagen Caminhões e Ônibus, MAN e Scania.

Entre os automóveis, as principais marcas do grupo tiveram queda nos volumes entregues no ano em todo o mundo: Volkswagen (-3,8%), Audi (-4,5%) e Skoda (-3,8%). Já a Porsche (+0,9%), Seat (+7,2%) elevam suas entregas no período. A divisão de veículos comerciais pesados representada pelo Grupo Traton manteve o volume estável na soma dos resultados das três marcas.



Fonte: www.automotivebusiness.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade