MEIO FILTRANTE - Clarissa Lins é confirmada para presidência do IBP
Esta notícia já foi visualizada 847 vezes.



Clarissa Lins é confirmada para presidência do IBP

Data:28/10/2019

A 17ª Assembleia Geral Extraordinária do Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP), realizada no dia 25 de outubro (sexta-feira), elegeu por unanimidade Clarissa Lins como a nova presidente do Instituto a partir de novembro de 2019, com atuação até o término do atual mandato, em março de 2021.

A executiva foi eleita após decisão do atual presidente, José Firmo, de renunciar ao cargo, por motivos pessoais. Firmo conduzirá um processo de transição ao lado de Clarissa até o final deste ano.

“O IBP tem crescido em relevância e em atividade com a abertura do segmento de exploração e produção, juntamente com a pluralidade de players que haverá nas próximas produções. Sem dúvida nenhuma, a abertura do gás e do dowstream também trarão novo desafios de governança e novas oportunidades de crescimento, o que nos leva a um cenário desafiador e com muito mais trabalho a ser absorvido nos próximos cinco anos”, afirmou Firmo. “Para mim, foi uma enorme honra estar à frente do IBP e trabalhar com essa equipe por dois anos. Tenho muito orgulho de ter participado desse Instituto e da forma como ele trabalha, foi o maior prestígio e maior presente profissional que recebi”, concluiu Firmo.

“É com grande satisfação que recebo o desafio de contribuir para o contínuo fortalecimento da indústria brasileira de óleo e gás, em um contexto global de mudanças sem precedentes no espectro da energia. Trabalharei com entusiasmo e afinco, na qualidade de presidente do IBP, reafirmando o compromisso desta indústria com o desenvolvimento e o bem-estar da sociedade brasileira”, finalizou Clarissa.

Experiência — Clarissa Lins é sócia-fundadora da Catavento, consultoria especializada em estratégia e sustentabilidade. Seu foco de atuação destaca-se por mapear o futuro da energia, os desafios do setor de óleo e gás e as oportunidades de negócio no contexto da transição energética.

Adicionalmente, Clarissa é membro do Conselho de Administração da Petrobras desde maio de 2018. No colegiado, preside o Comitê de Segurança, Meio Ambiente e Saúde e é membro do Comitê de Auditoria.

Clarissa é também diretora do IBP desde abril de 2016 e senior fellow do Núcleo de Energia e de Infraestrutura do Centro Brasileiro de Relações Internacionais (CEBRI). Ainda, é membro do Global Future Council on The Future of Energy do Fórum Econômico Mundial.

Anteriormente, Clarissa trabalhou no setor público por diversos anos, no Ministério da Fazenda durante a elaboração do Plano Real, no BNDES como assessora especial da Presidência e na Petrobras, como Gerente Executiva de Estratégia Corporativa e assessora especial da Presidência na gestão de Philippe Reischtul.

É economista formada pela PUC do Rio de Janeiro, com mestrado em economia pela mesma universidade.


Fonte: www.revistafatorbrasil.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade