MEIO FILTRANTE - Grupo Volvo cria divisão dedicada às soluções de transporte autônomo
Esta notícia já foi visualizada 1047 vezes.



Grupo Volvo cria divisão dedicada às soluções de transporte autônomo

Data:1/11/2019

Caminhão Volvo Vera: elétrico, conectado e autônomo.


Unidade começa a operar em janeiro de 2020 e seus resultados serão integrados aos da divisão de caminhões

REDAÇÃO AB
 
O Grupo Volvo criará uma nova área de negócios dedicada às soluções para o transporte autônomo denominada Volvo Autonomous Solutions e que terá como foco a aceleração do desenvolvimento e das vendas de seus produtos. Com a nova unidade, que atenderá uma demanda crescente, a companhia planeja oferecer novas soluções para setores como mineração, portos e centros de logística, complementando seu atual portfólio que já contempla essas áreas.

O negócio começa a operar em janeiro de 2020 e seus resultados serão integrados aos da divisão de caminhões.

Para a Volvo, as soluções baseadas em tecnologias de direção autônoma e conectividade são adequadas nas aplicações onde existe a necessidade de movimentar grandes volumes de bens e materiais em rotas pré-definidas, seguindo fluxos repetitivos. Nestas situações, os veículos e máquinas autônomas podem contribuir para maior produtividade, flexibilidade e precisão de entrega.

“Com o desenvolvimento global marcado por uma crescente demanda em transportes, estradas cada vez mais congestionadas e grandes mudanças ambientais, a indústria precisa proporcionar soluções cada vez mais seguras, eficientes e com impacto ambiental cada vez menor”, declara o presidente e CEO do Grupo Volvo, Martin Lundstedt.

O Grupo Volvo já demonstrou uma série de tecnologias diferentes em transporte autônomo, inclusive no Brasil, onde sete caminhões modelo VM Autônomos operam na colheita de cana de açúcar, reduzindo perdas por pisoteio de mudas graças à sua grande precisão de direção.

Outra iniciativa é o projeto Electric Site, na Suécia, com a manipulação de material em uma mina a céu aberto, que foi automatizada e eletrificada. A operação é auxiliada por máquinas e equipamentos elétricos: o resultado foi uma redução de quase 40% no custo de operadores, além de uma queda de 98% das emissões de CO2.

Já na mina de Brønnøy Kalk, na Noruega, caminhões Volvo FH autônomos estão transportando calcário em um percurso de cinco quilômetros. Além disso, a empresa já trabalha no veículo autônomo, conectado e elétrico Vera, que fará parte de uma solução integrada para transportar bens de um centro de logística para um terminal portuário em Gotemburgo, na Suécia.


Fonte:  www.automotivebusiness.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade