MEIO FILTRANTE - CBA recebe dupla certificação internacional da ASI
Esta notícia já foi visualizada 719 vezes.



CBA recebe dupla certificação internacional da ASI

Data:21/11/2019

Empresa é reconhecida por padrões em todo o processo, da mineração até produtos transformados

REDAÇÃO AB

A Companhia Brasileira do Alumínio – CBA – recebeu as certificações internacionais da ASI, Aluminium Stewardship Initiative, por toda a gestão de processos que a empresa mantém no Brasil em todas as suas unidades no Brasil, incluindo três de bauxita (MG), refinaria de alumina, salas fornos, fundição e produtos transformados, entre outros. A ASI é uma organização global composta por diversas partes interessadas e sem fins lucrativos focada na definição e certificação de padrões da indústria e da cadeia de valor do alumínio. A CBA é a primeira filiada à organização certificada por ela na América do Sul.

O reconhecimento foi feito por meio das certificações Padrões de Performance, que define princípios e critérios ambientais, sociais e de governança visando a sustentabilidade na cadeia de valor do alumínio; e de Cadeia de Custódia (CoC), complementar à anterior e que estabelece os requisitos para a criação de uma cadeia de custódia para o material que é produzido e processado por meio da cadeia de valor do alumínio em diversos setores.

Entre suas operações, a de produtos transformados inclui a produção de chapas e folhas, e também a extrusão de perfis, destinados ao uso em vários setores, incluindo o automotivo e de embalagens.

“Essas certificações permitem à CBA tornar-se o quinto membro verticalmente integrado a produzir alumínio certificado pela ASI, o que é um grandioso impulso ao fornecimento de alumínio produzido de forma responsável para os setores automotivo e de embalagens”, declara Fiona Solomon, CEO da ASI.

“A conquista dessa certificação reforça o nosso compromisso com a sustentabilidade e nos remete a uma posição mais competitiva no mercado mundial do alumínio, gerando ainda mais valor a nossos clientes, empregados, fornecedores e comunidades onde estamos presentes”, reforça o CEO da CBA, Ricardo Carvalho.



Fonte: http://www.automotivebusiness.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade