MEIO FILTRANTE - Confirmado investimento de US$ 800 milhões que a VW aplica em suas duas fábricas no país
Esta notícia já foi visualizada 218 vezes.



Confirmado investimento de US$ 800 milhões que a VW aplica em suas duas fábricas no país

Data:4/2/2020

O presidente argentino Alberto Fernandez se encontrou na Alemanha com Andreas Tostmann, membro do conselho diretor da Volkswagen: investimentos garantidos

Alberto Fernandez teve encontro com direção da empresa na Alemanha

REDAÇÃO AB


Em encontro com a direção da Volkswagen na Alemanha, o novo presidente argentino, Alberto Fernandez, recebeu a confirmação que está mantido o investimento de US$ 800 milhões que a empresa aplica em suas duas fábricas no país, que empregam 5 mil pessoas. No encontro também foi anunciado o início dos testes da linha de produção do projeto Tarek, o novo SUV médio-compacto que será produzido no Centro Industrial de Pacheco, perto da capital Buenos Aires, e o começo da fabricação da caixa de câmbio manual MQ 281 – 100% para exportação – na planta de Córdoba.



Dos aportes de US$ 800 milhões aplicados até o fim deste ano na Argentina, segundo informa a Volkswagen, US$ 650 milhões estão sendo direcionados à unidade de Pacheco, para modernização e infraestrutura da planta, incluindo uma nova área de pintura. No mês passado, Pablo Di Si, presidente da Volkswagen América Latina, havia informado que o investimento para o projeto Tarek era maior, de US$ 850 milhões. A fábrica irá produzir seu primeiro modelo (o novo SUV) sobre a versão compacta da plataforma global modular do Grupo VW, a MQB A – a mesma já usada no Brasil para fazer Polo, Virtus, T-Cross e o futuro SUV compacto Nivus a ser lançado em maio.

Já a fábrica de transmissões em Córdoba recebeu investimentos de US$ 150 milhões e já começou a produzir no fim do mês passado a caixa de câmbio MQ281 de seis velocidades. Inicialmente toda a produção será exportada para plantas de montagem do Grupo Volkswagen na Europa.

“Esta foi uma reunião histórica, que reafirma o compromisso que o Grupo Volkswagen tem com a Argentina há 40 anos e ratifica a intenção de continuar investindo na renovação de seus produtos, na qualidade, produtividade e infraestrutura de seus centros industriais no país”, afirmou Thomas Owsianski.


Fernandez está em sua primeira visita oficial à Alemanha, para reunir-se com a chanceler Angela Merkel, e também programou um encontro com a direção da Volkswagen no Fórum Drive realizado pelo grupo em Berlim, onde também estavam Andreas Tostmann, membro do conselho diretor da marca Volkswagen responsável pelas áreas de produção e logística, Thomas Owsianski, presidente do Grupo VW na Argentina, e Pablo Di Si.

“A Argentina é um pilar fundamental para a Volkswagen América Latina. Nosso objetivo é fortalecer a marca na região, gerando uma base financeira sólida e alcançando maior participação no mercado e mais rentabilidade. Com este propósito, investimos US$ 800 milhões em tecnologia, inovação e infraestrutura para garantir a sustentabilidade de nossos centros industriais”, afirmou Pablo Di Si durante o encontro.



Fonte: http://www.automotivebusiness.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade