MEIO FILTRANTE - WayCarbon entra para o hall de Empresas B
Esta notícia já foi visualizada 239 vezes.



WayCarbon entra para o hall de Empresas B

Data:18/3/2020

Com o certificado B, a empresa passa a fazer parte de uma rede global de empresas que visam unir bem-estar social e ambiental com crescimento sustentável; No Brasil, são mais de 160 companhias com o certificado B.
 
 
Redefinir o sucesso dos negócios apoiado pelo impacto social positivo! É possível que objetivos aparentemente tão contraditórios possam caminhar juntos? Sim! E quem afirma isso são as Empresas B. Trata-se de uma certificação empresarial em nível global que conta com empresas cujo propósito é redefinir o conceito de sucesso na economia ao gerar impactos positivos na relação com a sociedade e com o meio ambiente. A certificação surgiu em 2006 por iniciativa da instituição B Lab, uma entidade dos EUA que incentiva empresas a participarem de um movimento global de impacto.
Os primeiros passos do sistema B no Brasil ocorreram em 2012. Desde então, o país tem experimentado uma expansão de Empresas B e a mais nova organização a fazer parte desse seleto grupo é a WayCarbon, empresa brasileira especializada em serviços e produtos tecnológicos integrados para gestão da sustentabilidade.

Fazer parte dessa rede global não é tarefa fácil. São analisadas mais de 200 métricas para avaliar temas como sustentabilidade, governança, relacionamento com trabalhadores, clientes, comunidade, fornecedores e distribuidores, além da área ambiental.
A conquista da WayCarbon coloca e empresa no mapa mundial formado por mais de 2.700 companhias, em mais de 70 países, com o mesmo objetivo: construir uma sociedade mais justa e sustentável. “Desde a nossa fundação, conduzimos o negócio a partir de um propósito que ultrapassa o resultado financeiro”, afirma Henrique Pereira, CEO da WayCarbon.
O executivo também avalia que o certificado B ratifica a preocupação da empresa de estar alinhada com as demandas da nova economia. “Sob uma perspectiva estratégica, nosso negócio trata da integração da sustentabilidade aos negócios. Mas também operacionalmente sempre tivemos uma posição clara em relação a melhores práticas de governança corporativa, diversidade e transparência”, disse Pereira. Prova da sintonia com as novas demandas, a empresa possui 50% do quadro de liderança formado por mulheres.

No Brasil, a WayCarbon se une a uma rede formada por 162 organizações com o certificado B e que formam um time de companhias mais sustentáveis do país. Além da WayCarbon, também estão na lista de empresas B grandes organizações como a Natura e a Movida, por exemplo.
Sustentabilidade: um pilar da nova economia
Existe uma lógica por trás de uma economia mais inclusiva e sustentável. O certificado B representa um caminho para conquistar diferenciais competitivos e novos negócios. “Os investidores internacionais estão de olho nas companhias que pensam seus negócios além dos resultados financeiros. O impacto e o poder de gerar transformação está na mira de negócios de fronteira”, ressalta o CEO.
Além dos stakeholders pressionarem as organizações por melhores práticas de negócios, os consumidores começam, cada vez mais, a procurar por produtos e serviços sustentáveis. Uma amostra deste novo cenário foi revelada pela Globalwebindex, especialista em tendências de mercado. Segundo um estudo da empresa, 61% dos millenials concordam em pagar mais por um produto eco-friendly, seguidos por 55% da Geração X e 46% dos Baby Boomers.  
“Há uma crescente pressão global por uma profunda transformação social e econômica. Por um lado, porque os limites planetários estão se tornando mais tangíveis, por outro, porque as companhias começam a entender que não é possível prosperar na nova economia sem respeito às pessoas e ao meio ambiente. O sucesso dos negócios passará a incorporar uma cesta muito mais abrangente de indicadores e de propósitos, e estará intimamente relacionado à capacidade de transformação que o setor privado pode fomentar junto à sociedade”, afirmou Pereira.


Assessoria de Imprensa

Comentários desta notícia

Publicidade