MEIO FILTRANTE - VW do Brasil coloca à disposição 100 carros para ajudar no transporte em época de Coronavírus
Esta notícia já foi visualizada 156 vezes.



VW do Brasil coloca à disposição 100 carros para ajudar no transporte em época de Coronavírus

Data:25/3/2020

Montadora coloca à disposição 100 carros para ajudar no transporte de profissionais e equipamentos de saúde nas cidades onde têm fábricas

REDAÇÃO AB
 
A Volkswagen do Brasil anunciou que vai oferecer uma frota de 100 automóveis da marca para utilização das prefeituras de São Bernardo do Campo, Taubaté e São Carlos, todas em São Paulo, além de São José dos Pinhais no Paraná. São todas as cidades onde a empresa tem fábricas em operação. Também serão colocados à disposição veículos para uso do governo do Estado de São Paulo. Os carros serão cedidos por empréstimo e deverão ser usados principalmente para apoiar o deslocamento de profissionais da saúde e de equipamentos médicos.


 Com essa iniciativa, a VW do Brasil se une ao esforço que as montadoras estão fazendo para ajudar a conter o avanço do novo coronavírus na Europa e nos Estados Unidos . “A liderança da Volkswagen na região segue unida e trabalhando à distância para fazer tudo que está ao nosso alcance no apoio à comunidade”, afirmou Pablo Di Si, presidente da VW América Latina.

FCA VAI PRODUZIR MÁSCARAS NOS EUA


Empresa automotivas seguem promovendo ações para ajudar no combate à pandemia de Covid-19. Nos Estados Unidos, a FCA comunicou na terça-feira, 24, que está preparando suas fábricas para começarem a produzir máscaras de proteção. O objetivo é fabricar mais de 1 milhão de unidades do equipamento de proteção individual por mês, e doá-los aos profissionais que atuam na linha de frente no combate ao avanço da Covid-19, como paramédicos, policiais, bombeiros e, claro, trabalhadores de hospitais e clínicas de saúde. De acordo com a montadora, os preparativos começaram a ser feitos nesta semana e a produção vai começar em seguida, com distribuição inicial nos Estados Unidos, Canadá e México.

“Soubemos, por meio de contatos com o pessoal da saúde, que existe necessidade urgente de máscaras de proteção, então decidimos nos movimentar para produzir esse item e apoiar os profissionais mais necessitados na primeira linha de combate a essa pandemia”, declarou o CEO da FCA, Mike Manley.



Fonte: Automotive Business

Comentários desta notícia

Publicidade